A Arte na Casa Design JF

October 7, 2016

Dando sequência a apresentação da arte na Casa Design, destacamos o grafite. Essa forma de expressão artística de origem americana surgiu na cidade de Nova Iorque, na década de 70, quando alguns jovens começaram a espalhar suas marcas nas paredes da cidade.

 

 

O grafite está presente no “Quarto do Jovem” assinado pela arquiteta Natalia Torres. A obra, intitulada “Asteka” é do artista juizdeforano Davidson Lopes, idealizador do projeto de criação intuitiva Bula Temporária (Remédio Temporário), tendo como uma das inspirações a utopia TAZ – Temporary Autonomous Zone, do escritor americano Hakim Bey.

Para Davidson, essa forma de expressão artística começou como uma terapia: “Tinha crises de ansiedade e fobia do espaço urbano e não queria tomar remédio tarja preta. Fui de encontro ao lugar que me adoeceu, no lugar de fugir e me esconder,” conta.

 

 

O grafite, feito na Mostra pelo Davidson, agrega pessoalidade ao ambiente, com composições de cores que valorizam a juventude.  O artista, que tem como uma das influências a religião genuinamente brasileira, a Umbanda, já apresentou seu trabalho em cidades próximas e também em grandes centros como Rio de Janeiro, Florianópolis e até na Austrália.

“Gosto de pensar que a arte é uma criança se divertindo. Hoje a maioria das coisas que eu tenho de não-material foi a arte que me deu, conheci minha esposa por causa da arte, tenho vários amigos por causa da arte, conheci pessoas totalmente distantes da minha realidade por causa da arte. Parece um clichê, mas tudo que é feito com amor volta com amor, simples assim.” Relata.

Please reload

#ENTRE EM CONTATO

  • Instagram - White Circle
  • Facebook - Círculo Branco

2018 - FAZ FIGUEIREDO E ASSOCIADOS TODOS OS DIREITOS RESERVADOS

CREATED BY

AGÊNCIA STILO